Dúvidas? Críticas? Sugestões? Envio de material? lilikaforever@gmail.com

sábado, 27 de março de 2010

Gripe H1N1: confira o calendário de vacinação


Inicialmente, a epidemia conhecida como influenza, transmitida pelo vírus de mesmo nome, ocorreu em 1889, quando 300 mil pessoas morreram, principalmente idosos, em decorrência de complicações. Em 1918, uma variação do vírus, tornando a doença conhecida como gripe espanhola, acometeu cerca de 50% da população mundial e vitimou mais de 40 milhões de pessoas. Em 1957, a gripe asiática, transmitida também por uma variação do vírus influenza, se espalhou pelo mundo em seis meses e matou cerca de 1 milhão de pessoas.

Os vírus influenza são compostos de RNA de hélice única, da família dos Ortomixovírus e subdividem-se em três tipos: A, B e C, de acordo com sua diversidade antigênica. Os vírus podem sofrer mutações (transformações em sua estrutura). Os tipos A e B causam maior morbidade (doença) e mortalidade (mortes) que o tipo C. Geralmente, as epidemias e pandemias (epidemia em vários países) estão associadas ao vírus influenza A. A influenza H1N1, uma nova variação do vírus H1N1 teve o primeiro caso confirmado em abril de 2009, no México.

As principais características do processo de transmissão da influenza são: alta transmissibilidade; maior gravidade entre os idosos, as crianças, os imunodeprimidos, os cardiopatas e os pneumopatas; rápida variação antigênica do vírus influenza, o que favorece a rápida reposição do estoque de susceptíveis na população; apresenta-se como zoonose entre aves selvagens e domésticas, suínos, focas e eqüinos que, desse modo, também constituem-se em reservatórios dos vírus.



Vacina H1N1 – Data e Calendário Campanha Vacinação Gripe 2010: Para os cidadãos do País inteiro, fiquem sabendo que já iniciaram as campanhas para orientar a população sobre a vacinação contra a gripe pandêmica, essas campanhas começaram no ultimo dia 4 quinta feira, e tem previsão para ir até o dia 14 de Março, serão distribuídos cerca de 100 mil cartazes e 1 milhão de folders com as datas referentes em que cada grupo deverá receber as doses, além do reforço das medidas de prevenção que os brasileiros devem adotar no dia-a-dia.



A Campanha Nacional de Vacinação contra gripe H1N1 começará no dia 19 de Março de 2010, sendo que a campanha será realizada em cinco etapas contra o vírus H1N1 que ocorrerão em todos os municípios do Brasil, as doses da vacina já chegaram a muitos estados, sendo recebidas mais de 170 mil doses da vacina para a primeira etapa, 30 mil somente para Porto Alegre, sendo que a estimativa do governo é que sejam vacinadas cerca de 127 mil trabalhadores da saúde e 20 mil indígenas.



Para vocês leitores que estão em dúvida sobre quem será vacinado contra gripe h1n1 em 2010, fique sabendo que a Organização Mundial da Saúde – OMS, recomenda a imunização de trabalhadores de serviços de saúde, indígenas, gestantes e pessoas com doenças crônicas, sendo que no Brasil a vacinação foi ampliada para outros três grupos, sendo crianças de 06 meses a menos de 2 anos de idade e adultos saudáveis de 20 a 29 anos e de 30 a 39 anos de idade.



As fases/etapas da campanha contra gripe h1n1 consistem em realizar a vacinação para certos grupos, organizados pelos responsáveis por cada município, sendo que entre o dia 8 e 19 de Março, onde serão vacinados apenas indígenas e profissionais de saúde, sendo que as etapas serão realizadas de forma organizada para os públicos específicos, fiquem atentos para as datas que serão mencionadas no final da nossa matéria para que vocês sejam devidamente vacinados e imunizados contra o vírus H1N1.



Preparamos para vocês caros leitores, o calendário de vacinação contra gripe a influenza H1N1 2010, segue a lista com as datas para que os grupos de pessoas sejam devidamente imunizados contra o vírus H1N1.



Dia 08 de Março a 19 de Março – Profissionais de Saúde e Indígenas



• Dia 22 de Março a 21 de Maio – Gestantes.



• Dia 22 de Março a 02 de Abril – Doentes Crônicos, exceto idosos e crianças de 06 meses a 02 anos.



• Dia 05 de Abril a 23 de Abril – Jovens de 20 a 29 anos.



• Dia 24 de Abril a 07 de Maio – Idosos com mais de 60 anos com doenças crônicas.



• Dia 10 de Maio a 21 de Maio – Pessoas de 30 a 39 anos.

sexta-feira, 26 de março de 2010

Minha Casa Minha Vida: Inscrições a partir do dia 29

Visitas às empresas ocorrerão entre 29 de março e 15 de abril

Inscrição do projeto "Minha Casa Minha Vida" na TIM

No dia 18 de março o Sinttel-Rio esteve na sede da Tim, em São Cirstóvão, fazendo a inscrição para os interessados em adquirir a casa própria através do projeto "Minha Casa Minha Vida", do governo federal. A partir do dia 29 de março o sindicato visitará outras empresas. A inscrição é feita para os trabalhadores sindicalizados, porém quem tiver interesse pode se sindicalizar na hora.


Confira o calendário de visitações:

Empresa: CTIS
Endereço: Rua Barão de São Francisco, nº 177 - Bloco 07 - andar P
CEP: 20.560-030 - Andaraí / RJ
Data: 29 de março a 01 de abril
Empresa: CAPITAL CONSULTING
Endereço: Av. Rio Branco, nº 37 - 21º andar - CEP: 20090-003 - Centro
Data: 29 e 30 de março
Empresa: TIVIT
Endereço: Av Presidente Vargas, n°824 - Centro
Data: 05 a 09 de abril
Empresa: SEREDE
Endereço: Campo Grande
Data: 12 de abril
Empresa: SEREDE
Endereço: Santa Cruz
Data: 15 de abril

Dez mil trabalhadores podem perder seus empregos

Decisão da Oi afeta todas as empresas que prestam serviço para operadora

A decisão da Oi em reduzir 20% dos seus custos no orçamento atingirá diretamente todas as empresas que prestam serviço à operadora.

Em junho de 2003, a Oi terceirizou para a Nokia Siemens, em média, 200 empregados da CGR, setor essencial para qualidade dos serviços aos clientes. Nesse processo de terceirização, os trabalhadores perderam benefícios conquistados ao longo dos anos pelos trabalhadores.

Essa redução de custos da Oi já causou demissões em massa na Telemont, não só no Rio de Janeiro, mas em todos os estados onde a empresa presta serviço a Oi. A Telemont e as outras empresas não informaram o numero de trabalhadores demitidos, mas a estimativa é que chegarão a dez mil demissões em todo Brasil.

Em fevereiro, o Sinttel-Rio obteve a informação que os supervisores da Telemont, cumprindo orientação de superiores, estavam listando um grande número de trabalhadores para serem demitidos. Um supervisor chegou a informar ao sindicato que, após as demissões, o número de trabalhadores será insuficiente para realizar a manutenção na área coberta pela equipe.


Sindicato apura denúncias

O Sinttel-Rio, através do diretor Jose Adolar, entrou em contato com o coordenador geral da Telemont que informou ao sindicato que haveria apenas algumas demissões, em função de redução de custos, mas que não seria um número significativo.

O diretor Adolar também contatou o diretor regional do Rio de Janeiro que informou que haveria algumas demissões. Mas justificou que os trabalhadores a serem demitidos foram contratados em outubro e novembro de 2009 e trabalhariam no prazo de experiência ou até seis meses.

O sindicato, com essas informações, fez uma denúncia ao Ministério Público e uma audiência foi convocada. Compareceram na audiência o Sinttel-Rio e a Telemont que, através de seus representantes, informou que desconhecia a informação e solicitou um prazo para se pronunciar sobre o assunto. Na ocasião, a advogada do Sinttel-Rio informou à procuradoria que as demissões seriam a nível nacional.


Qualidade dos serviços será comprometida

Mediante a denúncia, a Telemont suspendeu temporariamente as demissões em fevereiro, mas deu continuidade em março. A informação de que as dispensas seriam estendidas à Nokia Siemens deixou a categoria apreensiva.

As demissões não foram somente de empregados no período de experiência ou com até seis meses da empresa. Dezenas de trabalhadores que migraram da Logictel para a Telemont estão sendo dispensados.

O funcionamento dos serviços de telecomunicações no estado do Rio de Janeiro corre sério e iminente risco de apagão. A precarização dos serviços de mão de obra já era sentida no dia a dia: a Oi é uma das empresas com mais ações de consumidores no Procon e no Tribunal de Pequenas Causas.

Com as demissões, haverá uma redução drástica no atendimento e manutenção dos serviços de telecomunicações. Os supervisores estão denunciando ao sindicato que ficará impraticável a operação dos serviços.


Trabalhadores são desrespeitados

O descaso com os trabalhadores já era visível com o desrespeito em relação à jornada de trabalho e as folgas. Muitos estão sendo convocados permanentemente para trabalhar por falta de pessoal para que as áreas possam ser atendidas.

Na área de Friburgo, demitiram em torno de 11 trabalhadores, permanecendo apenas dois para atender toda área da cidade, além de Cordeiro, Cantagalo, Cachoeira de Macacu e outros municípios vizinhos.

Em Niterói, Alcântara e adjacências, as supervisões reuniram os trabalhadores e informaram que OSC, cabista, entre outras funções terão que atender a todos os serviços, o que acarretará redução da qualidade, visto que a qualificação do trabalhador é específica para a função que ele exerce.

O Sinttel-Rio recebeu várias denúncias de trabalhadores que estão sendo obrigados a atender a duas ou três microáreas, com queda da qualidade do serviço, estabelecendo praticamente o regime de trabalho escravo na rede externa.

Os trabalhadores estão desesperados com a situação complicada que estão vivenciando. Muitos se endividaram para adquirir um carro, atendendo à solicitação da empresa e, agora, estão desempregados.

Os mais comentados

Widget UsuárioCompulsivo

Dissemine idéias, construa o futuro!

Saiba onde tem o melhor preço antes de comprar
Dineromail, para enviar y recibir dinero via e-mail
Compare Produtos, Lojas e Preços

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO